sexta-feira, 29 de agosto de 2008

2ª reunião de preparação da caminhada pelo decrescimento

DIA 13 Setembro (sábado), 16h no Jardim da Gulbenkian (junto ao lago, do lado da esplanada) - Lisboa
Por uma vida simples e solidária!


Quantos bibelos precisamos para sermos felizes?
A sobreprodução de todo o género de objectos de consumo futil transformou-nos, de cidadãos a consumidores. Tendo em conta que todo este frenesim consumista se baseia no petroleo barato e na sobre exploração dos recursos terrestres finitos, que futuro contamos deixar aos nossos filhos?
Debater e reflectir, experimentando uma forma de viajar simples mas rica em calor humano, tentando abranger todos por onde vamos passando, foi o que nos levou a tentar organizar uma caminhada pelo decrescimento em Portugal.

Informacoes: 964362223

3 comentários:

Manel disse...

Caríssimos,
O viver melhor com menos, terá que estar na ordem do dia dos políticos e dirigentes económicos.
O descrescimento, por mais estranho que pareça, é a meu ver uma grande janela de oportunidadesde negócio, e de negócios com outro olhar para a economia.
Fazer parte da solução exige muita sabedoria, pois a quase totalidade de nós fazemos parte do problema, em especial os mais ricos e poderosos quando confundem ou fezem confundir qualidade de vida com consumo.
O "folclore" agita, avisa, mas não passa a ideia por si só.
Aceitem um abraço
Manel

JB disse...

Vocês devem ser refugos da URSS. Porque é que não impõem a vocês mesmos esse modo de vida em vez de querer impor aos outros?

Paulo disse...

Saudações Cordiais

Parabéns pela excelente iniciativa, apesar dos "latidos" da maioria de ignorantes e infelizes humanos sobre a crosta deste martirizado(e todavia)generoso planeta, que incapazes de reconhecer como são manipulados pelos algozes desta civilização,(lamentavelmente serão tb os 1ºs a sofrer pela sua cegueira),são capazes ainda de obstruir, com o seu veneno de convenções ético/morais preconceituosas, iniciativas que estão na ordem do dia em urgência, e adequação aos graves desafios que a Humanidade e a irmã Terra enfrentam.
"os cães ladram e a caravana passa!" E a caravana é a da frugalidade, consciência ética holistica e sustentabilidade.
Cabe aqueles que têm a visão intuitiva do que se impõe nestes tempos FAZER, de serem os pioneiros(incompreendidos e perseguidos tb) da nova realidade que se impõe estabelecer na União ente Homem/Terra.Do sucesso dessa iniciativa, desta onda de fundo crescente e que se globaliza depende a sobrevivência da espécie Humana e a esperança de 1 futuro.
Bem Hajam e contem comigo na caminhada, sozinhos podemos muito, acompanhados, não há o que não consigamos.

paulo rodrigues